sexta-feira, 29 de abril de 2016

A Warner libera mais um trailer de Como Eu Era Antes de Você

A Warner liberou mais um trailer do filme baseado no livro "Como Eu Era Antes de Você" e nosss....QUE TRAILER É ESSE MEO DEOS? Lindo demais! O trailer tem novas cenas ao som de Imagine Dragons - "Not Today". Confiram:


Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro. Como eu era antes de você é uma história de amor e uma história de família, mas acima de tudo é uma história sobre a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado.

quarta-feira, 27 de abril de 2016

TAG Jantar Literário Editora Valentina

Já imaginou um jantar com os seus personagens favoritos?
Vocês pediram a TAG e a gente ficou pensando em como seria esse jantar com tantas personalidades diferentes.
Então, no BookTube desse mês, produzimos a deliciosa TAG Jantar Literário.
Lembrando que eles foram escolhidos por vocês na votação de março!
Clique na imagem e vote agora!

terça-feira, 26 de abril de 2016

Arqueiro divulga capa de novo livro de Lucinda Riley

A Editora Arqueiro divulgou no Facebook a capa o seu novo Romance de Lucinda Riley, A Garota Italiana, que será lançado em Junho deste ano. E aí, o que acharam?


segunda-feira, 25 de abril de 2016

RESENHA Outlander – Os Tambores do Outono parte I de Diana Gabaldon

Por Mariana Lucera

Título: Outlander – Os Tambores do Outono parte I
Título original: Drums of Autumn
Autora: Diana Gabaldon
Editora: Arqueiro      
Páginas: 569

Sinopse: Após tomar a difícil decisão de deixar a filha no século XX e viajar no tempo novamente para reencontrar seu grande amor, Claire Randall tem mais um desafio: criar raízes na América colonial do século XVIII ao lado de Jamie Fraser. Eles partem rumo à Carolina do Norte para encontrar um novo lar e contam com a ajuda de Jocasta Cameron, tia de Jamie e dona de uma propriedade na região. Enquanto isso, em 1969, Brianna Randall se une a Roger Wakefield, professor de história e descendente do clã dos MacKenzie, para encontrar as respostas sobre as próprias origens e sobre Jamie, o pai biológico que nunca conheceu. Em meio às buscas, ambos encontram indícios de um incêndio fatal envolvendo os pais de Brianna. Mas Roger não pode lhe contar isso, porque sabe que a namorada tentaria voltar no tempo e salvá-los. Por outro lado, Brianna também não compartilha sua descoberta, pois tem certeza de que Roger tentaria impedi-la.

Tambores do Outono é até agora um dos livros mais sóbrios da série Outlander. Nesse volume não temos naufrágios mirabolantes, resgates perigosíssimos nem nada do gênero. Temos Claire e Jaime na América, mais precisamente na Carolina do Norte, seguindo com suas vidas depois de saírem da Escócia.

Jaime, Claire e seu sobrinho Ian conhecem a tia Jocasta Cameron, senhora de River Run. A idosa deseja que Jaime administre a propriedade, fixando morada ali. No entanto, nem Claire nem Jaime conseguiriam aceitar viver em uma casa onde escravos são tratados sob uma rigorosa lei bárbara.

Após um incidente, em que precisam ajudar uma negra a sair da propriedade para que ela não acabe morta, Jaime e Claire encontram uma área de terra, cercada por plantações de morangos, onde construirão sua casa, aceitando a proposta do governador. Tendo apenas os índios como vizinhos, os dois se empenham em erguer do zero o local onde deverão passar o resto de suas vidas, ou pelo menos é o que eles imaginam.

Nesse livro, a ação, os resgates, duelos e intrigas não são o que mantém o leitor em suspense. Ele fica por conta das doenças da época. Os germes são os piores inimigos, entre outras enfermidades. Claire se torna a curandeira da região, enquanto famílias constroem suas casas nas terras de James Fraser e o sarampo chega para dizimar os índios e os mais fracos.

Em paralelo a trama central, existe o medo de Claire. Ela viu a lápide de Jaime na Escócia antes de voltar para o passado. Ela acha que ele vai morrer lá de alguma forma e tem medo das decisões que ele irá tomar.
Já Brianna enfrenta seus próprios problemas no futuro. Apaixonada por Roger, dispostos a ficarem juntos, o historiador descobre que Jaime e Claire morrerão em um incêndio em sua propriedade nos Estados Unidos no ano de 1776, ou seja, em menos de dez anos, ambos estarão mortos, se ninguém fizer nada.

Roger decide manter essa informação só para si, pois sabe que se a dividi-la com Brianna a moça vai querer atravessar o círculo de pedras para avisar a mãe, e aquele que ela ainda não aceita como pai, do perigo. Ele não quer correr o risco de perdê-la.

No entanto, ele não sabe, mas o silêncio de Brianna já indica que ela mesma descobriu a informação e ainda não sabe o que fazer com ela. Como ainda não li spoilers dos livros da sequência que já saíram pela Rocco, não sei em qual momento Brianna atravessa para o passado, mas estou muito ansiosa para isso acontecer, pois imagino que ela dará um frescor para a vida de Jaime e Claire, além de poder oferecer diversas situações engraçadas, já que ela é uma garota jovem do futuro, cheio de conforto. Imagino que quando ela atravessar, Roger irá com ela, pois ele também pode ouvir as pedras, então as coisas devem esquentar novamente na vida dos Fraser.

A ideia de dividir o livro em duas partes mais uma vez deixa o fã da série aflito. Pois o livro termina justamente quando a epidemia de sarampo se alastra e Claire está separada de Jaime, sem saber como deverão agir. No entanto, eu entendo que um livro com quase mil páginas é desconfortável de se carregar, segurar e assusta leitores menos vorazes, mas fazer a interrupção bem no clímax, quando a ação começa a subir, é de matar.

Contudo, sobre essa edição, gostaria de ressaltar que existem alguns erros de revisão. Encontrei um logo na primeira página, uma palavra repetida. Página 11 (devia ser ser ouvido). Página 251, a palavra sela apareceu grafada de forma errada, pois é cela de prisão, como o mesmo paragrafo se refere e não sela de montaria. São errinhos pequenos, mas não me lembro de tê-los encontrado quando a Saída de Emergência cuidava do material. Enfim, de cinco estrelas, dou quatro para esse volume da série, não por narrar eventos de tirar o fôlego, mas porque sou muito fá de Outlander e adoro ler qualquer coisa de Jaime e Claire.

sexta-feira, 22 de abril de 2016

RESENHA Tudo e todas as coisas de Nicola Yoon

Título: Tudo e todas as coisas
Título Original: Everything, Evereything
Autora: Nicola Yoon
Editora: Novo Conceito
Páginas: 304

Sinopse: Minha doença é tão rara quanto famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Qualquer coisa pode desencadear uma série de alergias. Não saio de casa. Nunca saí em toda minha vida. As únicas pessoas que já vi foram minha mãe e minha enfermeira, Carla. Eu estava acostumada com minha vida até o dia que ele chegou. Olho pela minha janela para o caminhão de mudança, e então o vejo. Ele é alto, magro e está vestindo preto da cabeça aos pés. Seus olhos são de um azul como o oceano. Ele me pega olhando-o e me encara. Olho de volta. Descubro que seu nome é Olly. Talvez eu não possa prever o futuro, mas posso prever algumas coisas. Por exemplo, estou certa de que vou me apaixonar por Olly. E é quase certo que será um desastre.

"Na verdade, há apenas uma única coisa que eu desejo: uma cura mágica que me permita sair correndo, livre, por aí, como um animal selvagem, mas nunca fiz esse pedido porque sei que é impossível. Seria como desejar que as sereias, os dragões e os unicórnios fossem reais....”

Sabe aquele livro que você desconfia que algo não cheira bem na história e de repente PÃN: surpresaaaaa!? Então...asssim é “Tudo e todas coisas” – SURPREENDENTE! A começar pela capa que é linda por demais e o marcador que vem junto (sim, para parceiros e não parceiros, pois a NC é uma fofa) tudo muito caprichado, o livro me marcou.

"De uma coisa eu tenho certeza: a vontade só leva a mais vontades. Não há limites para o desejo."

A escrita de Nicola é perfeita! É cheia de detalhes e emoções e você sente na pele o que é ser Madeleine. Existe o mundo dela de sua mãe que é médica, a enfermeira Carla e seus livros. A garota tem uma doença extremamente rara (SCID) que resulta em ela ser alérgica a praticamente tudo no mundo exterior. Seus livros têm de chegar a vácuo lacrados de modo que nenhuma bactéria possa contaminar a garota. Ela nunca entrou numa livraria e muito menos num sebo, a pobre garota nunca saiu da casa dela. Seu pai e irmão foram mortos em um acidente quando ela tinha apenas quatro meses de idade. Sua mãe e sua enfermeira, Carla, são as únicas pessoas que ela se relaciona.

"No início, não havia nada. E então, de repente, havia tudo."

Até aí ela nunca se sentiu tão incomodada, pois ela não “conhece” muito da vida lá fora, se lembra pouco de como era a vida antes da doença e sabe muito do mundo pelos livros. Eis que um dia novos vizinhos mudam-se para a casa ao lado.  Madeline olha pela janela e vê Olly. Ele e sua família se tornar interessante e ela começa a observá-los.

“Na maior parte dos dias eu tenho uma imaginação excelente.”

Olly e Madeline começam a se observar e Carla dá uma ajudinha pros dois se encontrarem, mesmo com toda a proibição da garota. Assim começa o romance com aquele garoto que mora ao lado, mas que ela não pode tocá-lo nem abraça-lo e deseja com todas suas forças beijá-lo....

“Tudo é um risco. Não fazer nada é um risco. A decisão é sua.”

Eu paro por aqui pois já ultrapassei muito a barreira de contar alguns detalhes. Mas esse livro é tudo e tem tudo! Romance, drama, alegrias, suspense, intrigas...adorei o estilo de escrita e o fim vem com um surpreendente e intrigante enredo que nos deixa espetacularmente admirados. Uma lição de vida sobre amor, corações partidos, relações entre pais e filhos e uma mensagem que nada é para sempre.

“Nem sempre podemos ter o que queremos.”

Amei, gente. A-M-E-I-! As personagens eram mais do que simples personagens Young Adult e adorei o modo que a autora usou para construir os relacionamentos. Um grande sick-lit contemporâneo que indico a todos de todas as idades. Apaixonada.

“Todos os dias você levanta e aprende uma coisa nova.”

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Sextante inaugura novo blog para leitores



A Editora Sextante divulgou hoje para os seus parceiros que estão com um blog novo. Na Estante é o novo blog da Editora Sextante: um espaço criado para reunir muita informação e quem adora os livros e a literatura!

"São 4 editorias - EspiritualidadeEntretenimentoNegócios e Comportamento. Cada tema traz artigos, comentários, e mais - downloads exclusivos, vídeos e eventos online, para você ficar por dentro das novidades e dos assuntos mais interessantes do universo literário."

O blog ainda está fazendo uma super promo de inauguração com 4 combos de livros! Corram e acessem clicando AQUI!

terça-feira, 12 de abril de 2016

Adaptação do Livro de Harlan Coben contará com atriz Julia Roberts


A atriz Julia Roberts foi confirmada para protagonizar a adaptação baseada no best seller Fool me Once o mais novo livro escrito por Harlan Coben.
A trama gira em torno de Maya, uma ex-piloto de operações especiais que volta para casa da guerra e vê uma imagem impensável capturada pela câmera-babá, enquanto está no trabalho: sua filha de dois anos de idade brincando com o marido de Maya, Joe - que tinha sido brutalmente assassinado duas semanas antes. A imagem provoca uma pergunta e um mistério no coração: Você pode acreditar em tudo que vê com seus próprios olhos, mesmo quando você quer desesperadamente acreditar? Para encontrar a resposta, Maya deve chegar a um acordo com segredos profundos e mentiras do seu próprio passado antes que ela possa enfrentar a verdade inacreditável sobre seu marido e sobre ela mesma.
Essa vai ser mais uma adaptação cinematográfica das obras de Coben. "Não Conte A Ninguém" possui uma versão de filme Francês e a Warner adquiriu os direitos de tudo para fazer um remake que teria a participação de Ben Aflleck. 

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Nicola Yoon manda recado para fãs

A autora de Tudo e Todas as Coisas, Nicola Yoon, decidiu mandar um recado para os seus leitores brasileiros no facebook da Editora Novo Conceito. Doidos para conferir? Assistam agora!



Sociedade do Livro já leu e mais que recomenda esse romance sensacional cheio de emoções com uma pitada de suspense. Você pode comprar o seu exemplar AQUI.


sábado, 9 de abril de 2016

Editora Novo Conceito divulga capa de Qualquer Outro LUgar

A Editora Novo Conceito anunciou em seu instagram as capas de "O Lado Mais Sombio", "Atrás do Espelho" e o próximo lançamento do final de trilogia de A,G,Howard "Qualquer Outro Lugar". Confiram:



quinta-feira, 7 de abril de 2016

Editora Pedra Azul lança Edição comemorativa aos 200 anos de nascimento de Charlotte Brontë

A Editora PedraAzul está lançando uma linda Edição comemorativa aos 200 anos de nascimento de Charlotte Brontë. A Edição é limitadíssima e histórica para amantes da autora e colecionadores. Ilustrada originalmente. Já pode ser adquirida nas livrarias virtuais e no site da Editora.



quarta-feira, 6 de abril de 2016

Best-seller Um Gato de Rua Chamado Bob está sendo gravado

Esse post é real: SIIIIMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
O Best-seller "Um Gato de Rua Chamado Bob" de James Bowen da Editora Novo conceito vai virar filme! Esse livro marcou minha vida de um modo muito especial - ele mudou minha vida, pois graças a ele tive a oportunidade de trabalhar na Editora Novo Conceito por muito tempo. Bob mudou a vida de Bowen e a minha também ^-^

O Best-seller internacional – inclusive no Brasil – conta a história de James Bowen, um sem-teto que se recuperava do vício de drogas e que encontrou na rua um gato laranja laranja que mudou toda a sua vida.

Segundo o site Observatório de cinema o filme será estrelado pelo ator inglês Luke Treadway (de Fúria de Titãs) e terá a participação da atriz inglesa Ruta Gedmintas (do seriado The Strain: Noite Absoluta). A direção será de Roger Spottiswoode (de 007 – O Amanhã Nunca Morre) e o roteiro será de Tim John (Dr. Jekill and Ms. Hyde), que também é produtor executivo do filme juntamente com Paul Brett (O Discurso do Rei). Em sua página oficial no Facebook, James Bowen disse que gostou da escolha de Luke Treadway para interpretá-lo nas telas dos cinemas. Para o dono do gato que sempre está usando um cachecol no pescoço, o ator “é um perfeito James”.

 Ainda não há uma data prevista para o lançamento do filme, mas a página oficial do best-seller "A Street Cat Named Bob" divulgou muitas imagens do filme que está sendo gravado. Confiram: